o humor e as notícias mais sacanas da web
Sexta-feira, 06 de Maio de 2011

Isso é ser gay?
Apesar de não existir nada  que implique de fato James Middleton como homossexual, veículos de comunicação e outros que assim se julgam estão abertamente rotulando-o de gay. O site do jornal The Examiner chegou a insinuar que, igualzinho à irmã, o rapaz estava tentando se tornar princesa: “James parecia bem calmo depois de ter tomado café da manhã com… o Príncipe Harry”.

PRA NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DE BESTAS
Até mesmo um bagulho brasileiro deu a sua chanfradinha, porejando inveja preconceito, com esta "principesca" ortografia: "...irmão da duquesa Kate Middleton, teve suas fotos link externo pessoais publicas em vários sites. Detalhe, que na maioria das fotos, James, encontra-se nu e em algumas com atitudes homossexuais."
Confira as fotos: E aí, será que essa Coca é Fanta?

Essas poses são de gay?
Na onda dos boatos, o cunhado do príncipe William, que trabalha como designer de bolos em sua própria empresa, está faturando como nunca. Também, com tanta propaganda grátis!
"Quanto mais falam mal, mais ele fatura"
publicado por Assi Sales às 00:05

Domingo, 01 de Maio de 2011

Como todo lascado que se preza, acostumados à vassalagem, brasileiro vive a inventar contos de fadas e a "criar" reis, rainhas e princesas pra tudo no mundo.

Por falta de nova ou maior tragédia, antes, durante e após a legalização do rala-e-rola de mais um sapo príncipe inglês com mais uma new cinderela gata borralheira, fui obrigado a engolir muito cururu nos telejornais e - é claro! -  nos bloguezinhos fúteis que empesteiam a web. Imagens, declarações estúpidas e rios de baba sobre o casal WC, William e Cate (o nome da plebeia é com 'C'. Estão grafando-o com 'K' para o monograma deles não ficar idêntico à abreviatura de Water Closet) pipocaram por todos os cantos.

Antes, durante e após a mágica cerimônia, meus olhos e ouvidos foram agredidos, em canais de TV e sites High Society, por jactâncias típicas de cronistinhas sociais provincianos, como por exemplo:  O casamento do século! ...O evento do século! Caralho!

Eu prefiro esperar o aflorar dos chifres nas cabecinhas coroadas do principesco casal. Já vi esse filme! Só que os protagonistas da primeira versão se chamavam Charles, o orelhudo tarado por plebe rude, e "Lady Di" (que para fazer jus ao carinhoso apodo, deu mais que chuchu em cerca).
Quem garante que a princesinha cujo nome já se trocou o 'C' pelo 'K', não vá querer, em breve, em vez de Kate (queite) ser chamada Date (deite)? Com o princeps ela já deitava e rolava há anos! Contudo, o seu glamouroso vestido nupcial era imaculado... Pelo menos isso!

Mas como o senso de ridículo não tem medidas, faveladas de todo o Mundo estão copiando o virginal vestido da Date Kate. Irão também copiar as regras que serão impostas à pistoleira princesa?
– andar sempre dois passos atrás do marido;
– não poder chorar em público;
– não poder usar cabelos soltos, esvoaçantes;
– não poder trabalhar...

Ô povo tolo!

ACORDA, ALICE!!!

publicado por Assi Sales às 06:02

linkwithin
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...