o humor e as notícias mais sacanas da web
Terça-feira, 03 de Janeiro de 2012

Um indiano usa o talento que possui para ganhar uns trocados em aniversários infantis e eventos festivos.

 

Khem Karan Koli consegue encher balões utilizando apenas o ouvido. Com uma caneta colocada no ouvido, Koli enche os balões até eles estourarem, e, segundo reportagem da emissora americana de TV “NBC”, ele afirma que o faz muito mais rápido com o toba e um tubo de ferro galvanizado.

 

O Faustão já mandou buscar o indiano, com todas as despesas pagas, para o apresentar no 'Se Vira Nos Trinta".

 

 Método extracurricular

publicado por Assi Sales às 03:00

Terça-feira, 19 de Julho de 2011

A família de um jovem hindu que, de acordo com as tradições do seu país, teve seu casamento arranjado com uma donzela, incrível ex-miss de um estado do Nordeste brasileiro, está processando a família da noiva por ela ser mais feia que o cão chupando manga.

Vijai  Peydey, o ex-futuro sogro da ex-miss, está processando a família que tentou arranjar o casamento entre seu filho e a sobrinha deles, que mora no sertão oco do mundo.

...

Os Peydey alegam que gastaram horrores com chamadas de longa distância e passagens aéreas e Vijai quer porque quer ser ressarcido.

- Quando os meus parentes viram a noiva ao vivo e a cores ficaram chocados com tanta feiúra e burrice juntas - registrou o velho indiano no processo por fraude, conspiração, violação dos direitos civis e estresse emocional que move contra a família da pavorosa criatura.

publicado por Assi Sales às 10:01

Sábado, 25 de Junho de 2011

Um indiano foi fotografado num templo hindu, em Guwahati, (nordeste da Índia), mostrando os seus enormes penduricalhos para arrecadar doações.
Ele aproveitou a realização da bacanal festa anual de Ambubachi, que atrai centenas de pessoas ao templo de Kanakhay, para se exibir a possíveis clientes.
E aí, você se habilita?
publicado por Assi Sales às 07:30

Sábado, 30 de Abril de 2011

Amar era um homem comum, com uma vidinha medíocre. Ele tinha emprego, família e um parafuso a menos. Tanto que, um dia, acordou com um baita tesão de mijo e resolveu que iria viver com o pinto pra cima, em nome de sua devoção a Shiva.

Segundo o site "Ô Cride...", Amar Bharatinho, num transe, viu que seu Deva* estava sufocando à tríade e resolveu separá-lo fazendo o que sabe fazer melhor: manter o Shiva erguido. De lá pra cá, já se vão 38 anos com a "trouxa ao vento".

Amar inspirou outros a levantarem o pinto em nome da paz e da harmonia. Alguns conseguiram 7, 13 e até 25 anos assim. Mas ninguém conseguiu repetir seu feito.
* Deva= Deus. Shiva, o Destruidor, é um Deva hindu.
Sadhu Amar Bharatinho virou símbolo dos seguidores de Shiva
publicado por Assi Sales às 02:00

linkwithin
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...