o humor e as notícias mais sacanas da web
Quarta-feira, 20 de Junho de 2012

Porto Alegre (RS Paraiso das Bibas) - Uma mãe de santo transexual de 50 anos foi “despachada” em frente à sua própria casa.Três homens meteram fogo no carro de Patrícia de Oyá, bem às vistas dos orixás. Ao sair do roncó para “oiá” o que estava acontecendo, a mãe de santo genérica - cujo nome no RG era Pedro Alcir (Pedrão, para os íntimos) - levou quatro balaços nos peitos.


A Mãe Menininha do Gontois dos pobres chegou a ser socorrida com passes, mas não resistiu à perda de silicone e cantou pra subir antes de dar entrada na casa de saúde. De acordo com a PM, Patrícia de Oyá já havia recorrido à Lei Maria da Penha (!) por causa de ameaças.


Patrícia de Oyá era o must da macumba na região e era a organizadora da tradicional procissão de Iemanjá, onde anualmente saia fantasiada de sereia.


Na sexta-feira após o crime, policiais militares realizaram buscas nas encruzilhadas para localizar os eguns que fizeram o “despacho”.

publicado por Assi Sales às 05:30

linkwithin
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...